sexta-feira, 31 de outubro de 2008

Peditório: Liga Portuguesa contra o cancro

Dizeres do "Pão por Deus"

Ao pedir o "Pão por Deus", cantam-se as seguintes cantilenas, enquanto se anda de porta em porta:

"Pão por Deus,
Fiel de Deus,
Bolinho no saco,
Andai com Deus."


Ou então:

"Bolinhos e bolinhós
Para mim e para vós
Para dar aos finados
Qu'estão mortos, enterrados

À porta daquela cruz
Truz! Truz! Truz!
A senhora que está lá dentro
Assentada num banquinho
Faz favor de s'alevantar
P´ra vir dar um tostãozinho.

"Quando os donos da casa dão alguma coisa:
"Esta casa cheira a broa

Aqui mora gente boa.
Esta casa cheira a vinho
Aqui mora algum santinho.


"Quando os donos da casa não dão nada:
"Esta casa cheira a alho
Aqui mora um espantalho
Esta casa cheira a unto
Aqui mora algum defunto."
(tradição)


Valores da vida...

A vida é riqueza. Conserva-a.

A vida é um mistério. Explora-o.

A vida é promessa. Tem esperança.

A vida é tristeza. Supera-a.

A vida é um hino. Canta-o.

A vida é um combate. Vence-o.

A vida é uma aventura. Condu-la.

A vida é felicidade. Merece-a.

A vida é vida. Defende-a!


terça-feira, 28 de outubro de 2008

"Gritos...": livro contra a indiferença

"Gritos contra a indiferença" é o livro de protesto de Fernando Nobre, uma obra polémica e contundente que reúne artigos publicados e textos de conferências dadas ao longo dos últimos dez anos em seminários, escolas, institutos, fundações, universidades e grupos doutos, civis ou militares.

Fernando Nobre foi administrador dos Médicos Sem Fronteiras na Bélgica e fundador da AMI – Associação Médica Internacional, em Portugal, à qual ainda preside. Participou como cirurgião em mais de duzentas missões de estudo, coordenação e assistência médica humanitária em mais de sessenta países de todos os continentes.


Nestes "Gritos contra a Indiferença", Fernando Nobre comunica-nos a sua visão do mundo, a sua revolta e a sua luta por um novo paradigma humano e societário.


Da debilidade das democracias à degradação contínua do planeta, das tragédias em curso na Palestina, no Afeganistão e no Iraque ao aniquilamento do Direito Internacional, da possibilidade do confronto atómico ao esmagamento dos Direitos Humanos, "Gritos Contra a Indiferença" é a denúncia de uma geopolítica do caos e da fome e um apelo a uma Cidadania Global Solidária.


"A única razão de ser deste livro, a que prefiro chamar compilação de textos, que espero válida, é a de tentar dar um contributo na discussão e compreensão de alguns dos problemas e desafios que nos preocupam e, quanto a mim, hipotecam o futuro dos nossos filhos", refere o autor. E prossegue. "Como não me inquietar quando vejo a paz global tão ameaçada e os Direitos Humanos tão espezinhados? Como não interpelar quando assisto à degradação contínua do nosso planeta Terra e ao seu esgotamento, provocado por uma ganância louca, sem freio nem nexo? Como não me assustar quando penso nas tragédias em curso na Palestina, no Afeganistão e no Iraque (e em breve no Irão) e assisto ao aniquilamento do Direito Internacional, impotente perante as espúrias situações de Guantánamo e dos voos da CIA até na minha Europa ainda democrática? Como não gritar quando ouço falar como inevitável, e sem retrocesso possível, de um confronto atómico e que penso nos milhões de mortos e de refugiados que um tal apocalipse acarretaria? Como não me questionar sobre o futuro da acção humanitária e os desafios e as perversões que enfrenta? Como não falar convicta e esperançosamente da sociedade civil, do voluntariado activo e dos jovens portadores de uma nova ordem: a Cidadania Global Solidária? Ao fim e ao cabo, é sobre bioética e paz que falo quando grito contra as violações dos Direitos Humanos e apelo a mais sólida solidariedade humana, numa altura em que os terrorismos de todos os quadrantes nos amedrontam e o choque de religiões e civilizações nos amordaçam e nos deixam mais inseguros."


Fernando José de La Vieter Ribeiro Nobre nasceu em Luanda em 1951. Em 1964 mudou-se para o Congo e, três anos mais tarde, para Bruxelas, onde estudou e residiu até 1985, altura em que veio para Portugal, país das suas origens paternas.

Doutorou-se em Medicina na Universidade Livre de Bruxelas, onde foi assistente, e é especialista em Cirurgia Geral e Urologia. É Doutor Honoris Causa pela Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa e Académico Correspondente da Academia Internacional de Cultura Portuguesa.

Foi administrador dos Médicos Sem Fronteiras na Bélgica e fundou em Portugal a AMI – Associação Médica Internacional, à qual ainda preside. Participou como cirurgião em mais de duzentas missões de estudo, coordenação e assistência médica humanitária em cerca de sessenta países de todos os continentes. É membro da Real Sociedade de Cirurgia (Bélgica), da Associação Europeia de Urologia e da Associação Portuguesa de Urologia. Recebeu vários prémios e distinções em Portugal e no estrangeiro, sendo Grande Oficial da Ordem do Mérito. Tem quatro filhos.


O lançamento do livro será no próximo dia 29 de Maio, às 18.30 horas, no Restaurante do El Corte Inglês – 7º Piso, com apresentação de Mário Soares e Cândida Pinto.


Fonte : noticias. rtp.pt, 28/10/2008

sábado, 25 de outubro de 2008

Relógios atrasam uma hora este domingo

Os cidadãos dos 27 países da UE atrasam uma hora os seus relógios na madrugada deste domingo, dia 26, quando termina o horário de Verão e começa a aplicar-se o de Inverno.

Com a mudança, três Estados membros (Reino Unido, Irlanda e Portugal) seguirão o horário GMT, enquanto a Espanha, Áustria, Bélgica, República Checa, Dinamarca, França, Alemanha, Hungria, Itália, Luxemburgo, Malta, Polónia, Eslováquia, Eslovénia, Suécia e Holanda acertarão os seus relógios para GMT+1.

A mudança de horário, que se efectua duas vezes ao ano, está regulado por uma directiva europeia de 2001, que fixa como datas para a modificação o último domingo de Março e o último domingo de Outubro.

O objectivo desta medida, que se começou a generalizar a partir de 1974, após a primeira crise do petróleo, é a poupança energética, mediante um menor consumo em iluminação.

Por seu lado, a Bulgária, Chipre, Estónia, Finlândia, Grécia, Letónia, Lituânia e Roménia alteram a hora para GMT+2.

Não obstante, a alteração da hora tem também os seus detractores, que asseguram que a mudança tem efeitos prejudiciais sobre a saúde humana e animal, ligados à secreção de melatonina, uma proteína que regula o sono.

"Não deixa de ser um artifício que vai, nos primeiros dias, afectar o ritmo habitual das crianças e dos pais", defende a pediatra Rosa Gouveia, da Sociedade Portuguesa de Pediatria.

Estas alterações verificam-se sobretudo no "horário das refeições, na hora de ir para a cama e na hora de acordar de manhã, assim como no horário escolar", acrescentou a médica.

A pediatra adverte que se as crianças forem "forçadas subitamente a seguirem um novo horário" podem apresentar episódios de irritabilidade e cansaço.

Rosa Gouveia aconselha que a transição da hora se dê de forma progressiva "recuando" os horários 10 ou 15 minutos por dia para que haja uma adaptação gradual. "Regra geral, ao fim de uma semana a criança já está adaptada", referiu.

Opinião semelhante tem o presidente da Associação Nacional de Professores, João Henrique Grancho, uma vez que alguns docentes verificam um "dispersamento ligeiramente maior" nos alunos, nos dias imediatos à alteração da hora.

Fonte: jornal de Notícias

quarta-feira, 22 de outubro de 2008

Solidariedade: Peditório da AMI 2008

Filme campanha Peditório AMI 2008 :

http://www.ami.org.pt/media/video/filmepeditorio08.wmv



A Assistência Médica Internacional (AMI) vai fazer de quinta-feira a domingo (23 a 26 de Outubro), o 15.º peditório nacional nas ruas, centros comerciais e principais hipermercados de todo o país, incluindo Açores e Madeira.

O "Peditório Nacional de Rua" da AMI tem como objectivo "recolher fundos para as missões internacionais" e para o "projecto de acção social desenvolvido em Portugal", esclareceu a organização num comunicado enviado à agência Lusa.

Pelo sétimo ano consecutivo, o peditório cobrirá "praticamente todo o território nacional", pretendendo chegar às pessoas para perceber o que cada cidadão sabe sobre a AMI e a Acção Humanitária e, "se possível", sensibilizá-lo para uma intervenção "mais directa e pessoal numa causa".

A AMI alerta a população para o facto de se tratar de um peditório "de rua e não de porta a porta", sendo que os donativos "apenas deverão ser entregues a voluntários devidamente identificados e credenciados" pela AMI que abordem as pessoas em locais públicos durante os próximos quatro dias.

De acordo com Paulo Cavaleiro, membro da AMI, há pessoas que aproveitam a "exposição e notoriedade momentânea da campanha para burlarem outras", apesar de isso não se ter verificado no ano passado.

"Todos os voluntários estão devidamente identificados e, por isso, apelamos às pessoas para não se deixarem iludir por estes actos de má fé", disse o membro da AMI em declarações à Lusa.

Quanto às expectativas para o peditório deste ano, Paulo Cavaleiro afirmou que "a expectativa é melhorar um pouco de ano para ano, mas se obtivermos os mesmos resultados do ano passado ou de há dois anos já é muito bom".

Em 2007 a AMI conseguiu angariar 132 mil euros, há dois anos a quantia rondou os 135 mil euros e em 2005 o total foi de 137 mil, verificando-se um decréscimo de aproximadamente dois mil euros a cada ano.

O melhor ano até agora foi em 2002 quando estenderam o peditório a quase todo o território nacional, tendo conseguido amealhar cerca de 147 mil euros, aproximadamente o dobro de 2001.

Agência Lusa
A nossa Escola também vai participar!!!
Colabora: ajuda a ajudar!!!

quinta-feira, 16 de outubro de 2008

Batata quente

Levanta-te e actua!!!



Amanhã, dia 17 de Outubro assinala-se o Dia Internacional para a Erradicação da Pobreza e um pouco por todo o mundo a iniciativa «Levanta-te e Actua» vai mobilizar milhões de cidadãos. Entre os dias 17 e 19 de Outubro, este evento de cariz internacional espera chamar a atenção dos governos para os Objectivos de Desenvolvimento do Milénio e exigir o fim dos milhares de casos de pobreza extrema pelo mundo.



No ano passado, a iniciativa «Levanta-te e Actua» mobilizoui mais de 40 milhões de pessoas por todo o país e Portugal foi o país europeu com maior número de participantes, num total de 65 mil. A organização espera este ano ultrapassar a marca dos 100 mil participantes no nosso país.
Por todo o país estão programadas diversas actividades, entre concertos, provas desportivas, performances teatrais e de dança, ou tertúlias. Os cidadãos podem participar nas actividades ou, inclusivamente, desenvolver uma iniciativa e mobilizar a comunidade.



Muitas das actividades já agendadas acontecem em várias escolas. Os alunos vão ler o Manifesto do «Levanta-te e Actua» em diversos momentos e locais dos seus estabelecimentos escolares, de modo a assinalar esta iniciativa.




Na nossa Escola, serão os professores a ler o Manifesto e, de seguida, todos - alunos e professores- farão um minuto de silêncio por esta causa, iniciativa do Clube de Solidariedade!


Ainda assim já se encontram agendadas outro tipo de actividades. No dia 17, às 20 horas, a banda Cinemuerte vai apresentar em Lisboa um momento musical relacionado com o tema da luta contra a pobreza. No domingo, dia 19 de Outubro, em Évora, um salto de 3 mil metros contra a pobreza acontece no aeródromo de Évora.


O slogan comum a todos os países é «Levanta-te e Actua» sendo que cada país apresenta, depois, um slogan próprio. Portugal tem «Contra a Pobreza e Pelos Objectivos do Milénio» como lema desta edição e dentro da temática as entidades organizadores promovem vários objectivos como o perdão da Dívida Externa aos países mais pobres, uma maior justiça no comércio internacional, a superação dos Objectivos do Milénio ou a promoção da igualdade de género e oportunidade.

quarta-feira, 15 de outubro de 2008

Unicef celebra o Dia Mundial da Lavagem de Mãos

O simples gesto de se lavar as mãos pode salvar a vida de um milhão de crianças por ano no mundo, segundo a Unicef, que organizou para esta quarta-feira, dia 15 de Outubro, o primeiro Dia Mundial da Lavagem de Mãos.


Todos os dias, 5 mil crianças com menos de cinco anos morrem de doenças diarreicas, indicou a porta-voz da Unicef em Genebra Véronique Taveau.

«Metade destas mortes pode ser evitada se as crianças desenvolverem o hábito de lavarem as mãos com sabão, antes do almoço e depois de irem à casa-de-banho», afirmou.
«O Dia Mundial da Lavagem de Mãos abre uma verdadeira batalha planetária pela higiene, cujos protagonistas serão as próprias crianças», anunciou Taveau.

«São as crianças, em casa com a família ou na comunidade, que vão introduzir no seu meio um gesto simples que salva vidas», continuou.

Em mais de 60 países em desenvolvimento, principalmente na Ásia e na África, várias actividades nas escolas vão sensibilizar as crianças à higiene.

A lavagem das mãos não é de longe uma prática corrente em muitos destes países: vai de zero a 34% das crianças, segundo a Unicef.

As condições de higiene são particularmente precárias na Índia, no Bangladesh e no Afeganistão. Na África Ocidental, a diarreia é a terceira causa da mortalidade infantil.

A lavagem das mãos com sabão é o meio mais eficaz e mais barato de prevenir mortes por diarreia e reduzir os riscos de cólera e de pneumonia.

SIGAM O EXEMPLO!!!

sexta-feira, 10 de outubro de 2008

"Caminhos de Encontro" já disponível



O novo manual do 5º ano de escolaridade de Educação Moral e Religiosa Católica, Caminhos de Encontro" começou, ao longo desta semana, a ser distribuído pelas Livrarias diocesanas do país.
Para além de todas as alterações gráficas, o novo manual faz-se acompanhar pelo caderno do aluno, procurando assim colocar a disciplina a par das tendências actuais do ensino.

Prémios Nobel 2008



Martii Ahtisaari, ex-presidente da Finlândia e mediador da ONU, é o vencedor do Prémio Nobel da Paz de 2008.

Ahtisaari presidiu à Finlândia de 1995 a 2000 e leva o seu país a ingressar na União Europeia, em 1995.
No fim de seu mandato, abandonou a política nacional para se dedicar a várias instituições e projectos dedicados a promover a paz, a democracia e a resolução de conflitos.

Entre os seus principais feitos , estão o acordo de paz de 2005 entre o governo da Indonésia e os rebeldes da província de Aceh, que encerrou mais de 30 anos de conflitos armados.



O escritor francês Jean-Marie Gustave Le Clézio, de 68 anos, foi laureado com o Prémio Nobel da Literatura 2008.

O júri justificou a atribuição do prémio ao autor francês, caracterizando-o como um “escritor da ruptura, aventura poética e êxtase sensual, explorador de uma humanidade mais além e na base da civilização reinante”.



A Academia Real Sueca de Ciências premiou com o Nobel de Física de 2008 os trabalhos de três cientistas de origem japonesa sobre as simetrias que foram determinantes para a compreensão da física subatômica e, por extensão, da composição da matéria.

O japonês naturalizado americano Yoichiro Nambu recebeu menção especial por descobrir o mecanismo da quebra espontânea de simetria.

Já os japoneses Makoto Kobayashi e Toshihide Maskawa foram premiados por descobrirem a origem da dupla quebra da simetria, que indica a existência de pelo menos três famílias de quarks (elementos fundamentais da matéria) na natureza.

Na área da Química, o cientista japonês Osamu Shimomura e os americanos Martin Chalfie e Roger Y. Tsien conquistaram o Prémio Nobel de 2008, por descobrirem a proteína verde fluorescente, um instrumento fundamental na hora de tornar visíveis os processos da biomedicina.

O prémio Nobel da Medicina volta a ser partilhado.
O Nobel foi para o alemão Harald zur Hausen pela «descoberta de que o vírus do papiloma humano causa cancro cervical», e para os franceses Françoise Barré-Sinoussi e Luc Montagnier «pela sua descoberta do vírus da imunodeficiência humano», o vírus da SIDA.



A. Nobel não criou um prémio de Economia. O que se conhece por Nobel de Economia é, na verdade, o Prémio Sveriges Riksbank de Ciências Económicas em Memória de Alfred Nobel, que nada tem a ver com a Fundação Nobel.
O laureado de 2008 foi o professor e economista Paul Krugman.
Paul Krugman notabilizou-se como um dos autores da Teoria "New Trade", uma revolução na forma de pensar o comércio internacional. O seu trabalho explica em que medida as economias de escala afectam a produção e e o comércio entre empresas e países.

quinta-feira, 9 de outubro de 2008

Big Bang

A matéria que compõe o Universo (ou Cosmos) surgiu em grande parte no começo do Universo. Durante os primeiros três minutos de história, o Universo criou grandes quantidades de hidrogénio e de hélio. Calcula-se que o Universo tenha surgido há cerca 13.7 mil milhões de anos a partir do chamado Big-Bang que corresponde ao início do espaço, do tempo e da energia.




Quando nasceu, o Universo estava comprimido num volume muito pequeno (onde a temperatura e a densidade tinham valores inimagináveis) e desde então tem estado continuamente em expansão. A reconstituição de um acontecimento assim tão remoto baseia-se nas muitas observações e descobertas da cosmologia do Sec. XX.

Segundo muitos cientistas o tempo "antes do Big Bang" não existia, nem o espaço, nem nada do que conhecemos hoje. No primeiro instante, surgiu o tempo, o espaço e a energia. A partir da energia surgiu matéria e antimatéria que se convertiam constantemente em energia. Mas logo nos primeiros instantes a matéria predominou sobre a antimatéria e o Universo começou a ficar cheio protões, electrões e neutrões. Mais tarde quando o Universo já estava suficientemente frio para gerar átomos, os electrões juntaram-se aos protões e neutrões e fizeram os primeiros átomos na história do Universo.

Esta evolução continuou depois nas estrelas que fabricaram elementos mais pesados do que o hidrogénio e do que o hélio.

Hoje o Universo está povoado de novos átomos que foram feitos dentro de estrelas.

segunda-feira, 6 de outubro de 2008

Ensaia um sorriso...



Ensaia um sorriso
E oferece-o
A quem nunca teve nenhum

Agarra um raio de sol
E desprende-o onde houver noite

Descobre uma nascente
E nela limpa quem vive na alma

Toma uma lágrima
E pousa-a em quem nunca chorou

Ganha coragem
E dá-a a quem não sabe lutar

Inventa a vida
E conta-a a quem nada compreende

Enche-te de esperança
E vive a sua luz

Enriquece-te de bondade
E oferece-a a quem não sabe dar

Vive com amor
E fá-lo conhecer ao mundo.

O que tens para dar?!


Não deixes fechar o pano assim
a peça não acabou...
não chegou ao fim.
Não tenhas medo de cair
De joelhos no chão,
de perder a razão.

Não construas um mundo
à volta de ti,
Sem espaço para sonhar …
e poder voar,
Não queiras parar o tempo,
do pouco tempo
que te resta para
poderes então amar.

O que tens para dar é real,
O que tem o mar é o sal.
O que tem a vida de normal?
O que tem o amor
Não faz…mal.

Como um pássaro na gaiola
que não sabe o que é voar…
Subir, ganhar.
Um coração que
não sonha,
não se pode entregar
não pode então amar.

O que tens para dar…?
O que tens para dar?

O que tens no mar é real,
O que tens para dar é o sal…
O que tem o amor de normal ?...
O que tem a vida não faz mal.


in Miguel Cardoso, Kyrios

"Pedagogia"


Brinca enquanto souberes!
Tudo o que é bom e belo
Se desaprende...

A vida compra e vende
A perdição,
Alheado e feliz,
Brinca no mundo da imaginação,
Que nenhum outro mundo contradiz!

Brinca instintivamente
Como um bicho!

Fura os olhos do tempo,
E à volta do seu pasmo alvar
De cabra-cega tonta,
A saltar e a correr,
Desafronta
O adulto que hás-de ser!



Miguel Torga (Coimbra, 16 de Março de 1960)

Novos manuais do 5º e 10º anos




domingo, 5 de outubro de 2008

Ser Professor




Tarefa difícil, mas não impossível,
tarefa que pede sacrifício incrível!


Tarefa que exige abnegação,
tarefa que é feita com o coração!


Nos dias cansados, nas noites de angústia,
nas horas de fardo, de tamanha luta,
chegamos até a questionar:
Será, Deus, que vale a pena ensinar?


Mas bem lá dentro responde uma voz,
a que nos entende e fala por nós,
a voz da nossa alma, a voz do nosso eu:
- Vale sim, coragem!


Você ensinando, aprende também.
Você ensinando, faz bem a alguém,
e vai semeando nos alunos seus,
um pouco de PAZ e um tanto de Deus!

Autor: desconhecido

Homenagem aos Professores




As bolas de papel na cabeça,
os inúmeros diários para se corrigir,
as críticas, as noites mal dormidas...
Tudo isso não foi o suficiente
para te fazer desistir do teu maior sonho:
Tornar possíveis os sonhos do mundo.


Que bom que esta tua vocação
tem despertado a vocação de muitos.
Parece injusto desejar-te um feliz dia dos professores,
quando em seu dia-a-dia
tantas dificuldades acontecem.


A rotina é dura, mas você ainda persiste.
Teu mundo é alegre, pois você
consegue olhar os olhos
de todos os outros e fazê-los felizes também.


Você é feliz, pois na tua matemática de vida,
dividir é sempre a melhor solução.
Você é grande e nobre, pois o seu ofício árduo lapida
o teu coração a cada dia,
dando-te tanto prazer em ensinar.


Homenagens, frases poéticas,
certamente farão parte do seu dia a dia
e quero de forma especial, relembrar
a pessoa maravilhosa que você é
e a importância daquilo do seu ofício.


É por isto que você merece esta homenagem
hoje e sempre, por aquilo que você é
e por aquilo que você faz.




Autor: desconhecido

Feliz dia dos Professores!




Ser professor é professar a fé e a certeza de
que tudo terá valido a pena se o aluno sentir-se feliz
pelo que aprendeu com você e pelo que ele lhe ensinou...

Ser professor é consumir horas e horas pensando
em cada detalhe daquela aula que, mesmo ocorrendo
todos os dias, a cada dia é única e original...

Ser professor é entrar cansado numa sala de aula e,
diante da reação da turma, transformar o cansaço
numa aventura maravilhosa de ensinar e aprender...

Ser professor é importar-se com o outro numa
dimensão de quem cultiva uma planta muito rara que
necessita de atenção, amor e cuidado.

Ser professor é ter a capacidade de "sair de cena,
sem sair do espetáculo".
Ser professor é apontar caminhos, mas deixar que
o aluno caminhe com seus próprios pés...



Autor Desconhecido

Clica na imagem

Clica na imagem
Fotos do Mundo

Testa a tua memória

Faz o teu presépio

Faz a tua árvore

Jogo Poluição das Águas

Jogo Eco-Cidade

Jogo Gesto Inteligente Transportes

Joga connosco e aprende!

Jogo interativo em Espanhol

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Jogo "Ser Pessoa"

Os perigos do tabaco

Os perigos do tabaco
Clica, joga e aprende...

Religiões do mundo

Religiões do mundo
Jogo - Para saber mais